Juiz nega pedido de censura de peça teatral com Jesus transexual em Porto Alegre

'O Evangelho Segundo Jesus, Rainha do Céu' segue na programação do 24º Porto Alegre Em Cena. Decisão do juiz José Antônio Coitinho foi tomada na tarde desta terça-feira (19).

Publicado em 20/09/2017 às 09:16

Gay1 Noticias
Juiz nega pedido de censura de peça teatral com Jesus transexual em Porto Alegre
Foto: Ligia Jardim/DivulgaçãoAtriz transexual Renata Carvalho é a protagonista do espetáculo.

A Justiça do Rio Grande do Sul negou, na tarde desta terça-feira (19) o pedido de proibição da peça teatral "O Evangelho Segundo Jesus, Rainha do Céu", que está na programação do 24º Porto Alegre Em Cena. O espetáculo tem como protagonista a atriz transexual Renata Carvalho e propõe uma reflexão sobre o preconceito relativo às questões de gênero.

Em sua decisão, o juiz José Antônio Coitinho afirmou que "censurar arte é censurar pensamento e censurar pensamento é impedir desenvolvimento humano". No entendimento do magistrado, é necessário garantir a liberdade de expressão.

O juiz também considerou irrelevante a alegada questão da sexualidade de personagens. Segundo ele, a avaliação sobre bom ou mau gosto não compete à Justiça.

"Transexual, heterossexual, homossexual, bissexual, constituem seres humanos idênticos na essência, não sendo minimamente sustentável a tese de que uma ou outra opção possa diminuir ou enobrecer quem quer que seja representado no teatro", explica.

A peça já chegou a ser proibida pela Justiça de Jundiaí, no interior de São Paulo, há poucos dias. Porém, a apresentação do monólogo foi ovacionada no município vizinho de Rio Preto na noite de sábado (16).

Agora, o espetáculo que tem o texto de Jo Clifford, dramaturga transexual escocesa, e direção de Natalia Mallo, está em cartaz nos dias 21 e 22 de setembro, às 22h, no Teatro Bruno Kiefer, no interior da Casa de Cultura Mário Quintana (Rua dos Andradas, 736).

© Portal Gay1
 
Encontre-nos no Google+